Muitos desejam ter seu próprio negócio e isso é ótimo. Porém, isso exige muitas responsabilidades que precisam ser administradas, como a contabilidade da empresa.
De acordo com uma pesquisa feita pelo Sebrae, 24,4% das micro e pequenas empresas fecham as portas em menos de 2 anos por falta de planejamento, o qual também compreende os conhecimentos contábeis. Para isso, oferecemos para você dicas de contabilidade que o ajudarão na gestão empresarial!
São algumas regras básicas que todo empreendedor precisa saber desde o primeiro momento que abre uma empresa. São informações de grande valor que você deve levar em conta se deseja ter um negócio de sucesso. Acompanhe!

1. MANTENHA AS FINANÇAS EMPRESARIAIS SEPARADAS DAS PESSOAIS
Aqui está um erro muito comum e que costuma dar bastante prejuízo. Isso acontece, principalmente, com os marinheiros de primeira viagem. Portanto, é bom ficar alerta a esse ponto.
Quando as contas da empresa e as da sua vida pessoal se misturam, fica bem difícil descobrir quanto está gastando com coisas supérfluas e quanto realmente está investindo no seu negócio. Além disso, fica bem mais difícil saber quanto de lucro a empresa está rendendo e descobrir os pontos fracos para melhorá-los.

2. TERCEIRIZE O SERVIÇO
Uma das características dos empresários de sucesso é saber delegar as funções para a equipe. Portanto, aprenda a delegar aquilo que você não tem total conhecimento para não ter problemas no futuro, especialmente quanto às questões de pagamentos de tributos e algumas legislações que mudam constantemente.
Por exemplo, ultimamente estão ocorrendo muitas mudanças na legislação trabalhista e é provável que ocorram outras. Com tantas coisas para cuidar no seu negócio, ficar sempre atualizado nas legislações fica mais complicado. Deixe isso para quem realmente entende do assunto.

3. ORGANIZE A DOCUMENTAÇÃO
Ainda que você não faça a contabilidade da própria empresa, é muito importante manter toda a documentação devidamente organizada e arquivada.
Organize todas as contas, notas fiscais, compras e tudo mais. Esses papéis ajudam muito, por exemplo, durante a declaração do imposto de renda. Você pode separá-los de acordo com o mês e com o tipo de conta paga. Dessa forma, você também facilita o seu trabalho para o contador e reduz as chances de erros.

4. UTILIZE A TECNOLOGIA
Atualmente, existem diversas empresas que oferecem excelentes softwares de gestão contábil. Eles conseguem organizar todas as contas em um único lugar, facilitando e muito a vida dos empresários. Conseguem emitir relatórios e são ideais para quem tem um setor próprio de contabilidade ou mesmo se você não tem a intenção de terceirizar o serviço, pelo menos não por enquanto.

5. FIQUE EM CONSTANTE CONTATO COM O CONTADOR
Terceirizar o serviço e deixar tudo por conta de outra empresa não é a melhor decisão. Afinal de contas, você é o mais interessado no seu empreendimento e em fazer o negócio crescer. Portanto, esteja em contato constante com o escritório de contabilidade que ajuda na gestão da empresa.
Sempre que você não saber como fazer ou por onde começar um determinado processo, peça ajuda para pessoas que tenham maior conhecimento sobre o assunto. Essa é a melhor forma de evitar refrações e perda de tempo com ações que, provavelmente, resultarão em problemas maiores no futuro.

Imprimir