Lançado em 24 de março, em menos de um mês no ar, o cadastro de voluntários de Praia Grande já conta com 835 inscritos. São pessoas que se ofereceram para trabalhos não remunerados na luta contra o novo Coronavírus. Esse cadastro ficará disponível aos diversos setores da Prefeitura para uma eventual necessidade de mão-de-obra.

A maioria dos cadastrados é de Praia Grande, no entanto moradores de todas as nove cidades da Baixada Santista estão entre os inscritos. Moradores da Capital, de São Bernardo do Campo e de Guarulhos também fizeram inscrição.

São professores, engenheiros, arquitetos, profissionais da área de saúde, como médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e psicólogos. Tem também motoristas, donas de casa, costureiras, cozinheiros e outros tantos profissionais.

A disposição para o trabalho também é das mais variadas. Os voluntários estão colocando suas formações e seus conhecimentos à disposição da Administração de Praia Grande. Seja trabalhando na linha de frente ou na área de apoio das ações.

“Tomara que não, mas caso haja necessidade, o trabalho de apoio poderá acontecer em diversas áreas, não apenas na Saúde, mas em tantos outros setores”, explica o prefeito Alberto Mourão.

Cadastro – Para se candidatar, basta não pertencer a nenhum grupo de risco do COVID-19, acessar o site praiagrande.sp.gov.br e clicar no banner chamado: Coronavírus – Cadastro de Voluntários. O candidato deverá informar nome, endereço, telefone, período em que está disponível para prestar o trabalho voluntário, grau de instrução e demais informações que considerar necessárias.

Imprimir