Como medida de prevenção à transmissão do coronavírus (COVID-19), a Prefeitura de Praia Grande determinou importantes ações em diversas áreas da esfera municipal. A reunião que confirmou o plano de ação ocorreu nesta segunda-feira (16), no Auditório Jornalista Roberto Marinho, Bairro Mirim e contou com a participação do prefeito da Cidade, Alberto Mourão, secretariado, além do presidente e do líder do governo da Câmara Municipal.

Em Praia Grande não há casos confirmados da doença. Mesmo assim, o prefeito da Cidade durante a reunião explicou que as projeções de especialistas para a Região Metropolitana da Baixada Santista indicam uma elevação no número de suspeitos e, consequentemente, de possíveis confirmados para os próximos dias. As medidas visam evitar que estes números cresçam a ponto da demanda por vagas de UTI seja maior do que o número disponível de leitos. “Estamos mapeando a quantidade de número de leitos podemos aumentar, com os devidos equipamentos e profissionais. Sinalizamos cerca de 15 no Hospital Irmã Dulce”.

O prefeito destacou ainda que não deve haver pânico, mas que é preciso que as pessoas se conscientizem da importância das ações de prevenção. “É mais do que uma ação de suspender algumas atividades. Não adianta fazermos tudo isso se a pessoa não fizer sua própria vigilância e auto isolamento. As orientações devem ser seguidas, são cuidados extremamente importantes e que devem ser seguidos por todos. Não devemos achar que só acontece com o próximo e nunca conosco. A Administração Municipal está fazendo sua parte, as pessoas precisam demonstrar cidadania e fazer a delas”. Na área da Educação, as aulas nas escolas municipais estão suspensas gradualmente a partir desta terça-feira (17) e, obrigatoriamente, a partir da próxima segunda-feira (23). A equipe da Secretaria de Educação (Seduc) analisará casos específicos, priorizando a frequência das crianças e jovens das quais os pais trabalham e não têm com quem deixar seus filhos. As escolas passarão

também por desinfecção diária reduzindo os riscos de contaminação de profissionais e estudantes.

Seguem demais ações que fazem parte do pacote de medidas da Prefeitura de Praia Grande:

Equipamentos e atividades públicas municipais de esporte, cultura e assistências social estão suspensos a partir desta terça.

Abrigo Solidário, Casa de Estar: atendimento segue normalmente, mas sem visitas e com as devidas medidas cautelares

Serviço de Acolhimento Institucional para crianças e adolescentes: visitas somente dos pais e responsáveis com as devidas medidas de higienização

Acompanhantes de internados: serão checados obrigatoriamente se apresentam quando de estado gripal

Eventos públicos: todos suspensos por tempo indeterminado.

Eventos particulares: estão suspensas as autorizações para a realização de eventos privados, por tempo indeterminado, incluindo os já autorizados.

Locais de grande circulação de pessoas: a indicação é que sejam evitados principalmente a frequência em ambientes de grande circulação como shoppings, igrejas, clubes, centros comerciais, cinema, teatro, bancos e similares.

  Hospital e prontos-socorros: funcionam normalmente, mas com indicação de que a procura do atendimento ocorra em casos de necessidade extrema.

Unidades de Saúde da Família (Usafas): deverá ser realizado um padrão de atendimento com escalonamento.

CER, CEO e CEMAS: Será aplicada medida de rigor no cumprimento do horário das consultas agendadas, visando evitar aglomeração depessoas. Em breve, haverá orientações específicas.

Visitas hospitalares: estão suspensas.

Acompanhamento à internados:  São permitidos apenas acompanhantes que não se enquadrem nos fatores de risco.

Funcionalismo: serão mapeados os servidores municipais com idade acima de 60 anos, doenças pré-existentes, crônicas, gestantes e também de acordo com a natureza do serviço realizado, para que seja estabelecida uma escala diferenciada de trabalho. Essa medida ocorrerá de acordo com a deliberação da chefia imediata e respeitando algumas características. Servidor: consulte a sua chefia; estão suspensas as férias de funcionários das áreas de trânsito, fiscalização, Guarda Civil Municipal, Saúde e Defesa Civil.

Cultos, missas, reuniões de Associações, ONGs e similares: O Departamento de Vigilância Sanitária expedirá notificação e nota técnica de recomendações visando evitar aglomerações.

Reuniões de Conselhos: deverão ocorrer em caso extrema e preferencialmente por conferências digitai, via internet.

Vans e ônibus de turismo: suspensão de autorização para vans e ônibus de turismo. A medida é válida para todas as cidades da Baixada Santista.

Imprimir